domingo, 11 de novembro de 2012

GLENN MILLER

Trombonista, arranjador e maestro Glenn Miller, se tornou a personalidade mais popular da era swing: e sua música tem sido evocada pelo sentimento e o espírito da vida americana, antes e durante a Segunda Grande Guerra. A big band de Miller podia apresentar baladas executadas de uma forma ricamente romântica, através de quatro saxes liderados por uma solitária clarineta; e podia apresentar uma direção mais rápida e ritmada, suingando com precisão e energia.

Miller nasceu em primeiro de março de 1904, em Clarinda, Iowa, mas cresceu em Morgan, Colorado, onde ele começou a estudar o trombone. Sua formação musical terminou após um breve período na University of Colorado em Boulder. Depois, ele se integrou à banda de Ben Pollack na California em 1924. Na década seguinte, esteve com Pollack (ao lado do jovem Benny Goodman) e Red Nichols; então veio uma sucessão de apresentações em teatro, gravações com bandas e orquestras de rádio, onde trabalhou como sideman e arranjador.
Em 1937 Miller formou a primeira de suas bandas, que o levariam ao topo do sucesso. Os seus seis primeiros lados foram gravados pela Decca e alguns pela Brunswick. Outra banda foi formada em 1938, onde a clarineta já solava o que seria um de seus maiores sucessos, "Moonlight Serenade", música que Miller tinha arranjado para Noble em 1934. Em setembro de 1938 a banda assinou com a Victor através de seu selo Bluebird.
A ascensão de Miller aconteceu nos últimos meses de 1939, e em 1940 a banda apresenta o que seria seu maior sucesso até então, o hino do swing, "In The Mood". Jerry Grey veio a ser um proeminente arranjador e compositor de originais do swing como "Pennsylvania 6-5000", mas a maior característica das baladas de Miller, tinham o formato em que a seção de palhetas harmonizam junto com a de sopros e os trombones davam um colorido todo especial.

No outono de 1942, depois de fazer dois dos melhores filmes de swing bands,“Sun Valley Serenade” e “Orchestra Wives”, Miller desistiu da mais popular banda da América e ofereceu seus serviços para defender sua pátria na guerra. Na Força Aérea Americana, no início, suas tarefas eram apenas as da burocracia. Mas Miller pressionou para aumentar o seu papel e finalmente ficou como responsável pela banda do Technical Training Command na Yale University, uma unidade em que Miller tinha em suas mãos grandes instrumentistas vindo das melhores bandas de swing, incluindo nomes como Ray McKinley and Mel Powell.


Em junho de 1944, a base de operações de Miller estava ancorada na Inglaterra, em Bedford, onde trabalhava com shows dançantes, concertos, apresentações radiofônicas e sessões de gravação. Depois de ser liberado para a França, Miller foi transferido para Paris. A banda chegou em dezembro, para um programa de Natal, mas o pequeno avião em que Miller viajava desapareceu no Canal da Mancha, no dia 15 de dezembro."


Toda sua vida é retratada no filme biográfico do próprio Glenn Miller chamado Música e Lágrimas (The Glenn Miller Story) de 1954.
Estão no elenco do filme James Stewart e June Allyson.


AH!!..."BONS TEMPOS"

Nenhum comentário:

Postar um comentário