domingo, 15 de julho de 2012

STRAY CATS



Stray Cats é uma banda americana de Neo-Rockabilly formada em 1979 pelo guitarrista/vocalista Brian Setzer e seus colegas de escola Lee Rocker (Leon Drucker) e Slim Jim Phantom (James McDonnell). O grupo teve vários sucessos no Reino Unido e nos Estados Unidos no começo dos anos 80.
Depois de sua primeira separação em 1984, a banda vem reunindo-se esporadicamente; mais recentemente em 2004, lançando Live in Brixton, álbum de versões ao vivo de muitas de suas primeiras canções.

Os Stray Cats foram formados na cidade de Massapequa, Long Island. O seu som retro, estilo anos 50, não agradou muito ao público. No verão de 1980 o grupo decidiu partir para a Inglaterra, onde o movimento revival do rockabilly estava começando a emergir.
Depois de um espectáculo em Londres, os Stray Cats encontraram-se com o produtor Dave Edmunds, conhecido como um entusiasta das raízes do rock por seu trabalho com a Rockpile e como artista solo. Edmunds ofereceu-se para trabalhar com o grupo, e eles entraram em estúdio para gravar um álbum homónimo, lançado na Inglaterra em 1981 pela Arista Records. O sucesso do disco foi imediato e o mesmo produziu três êxitos: "Runaway Boys", "Rock This Town" e "Stray Cat Strut". O álbum seguinte, Gonna Ball, não foi tão bem recebido, tendo sido marcado por fortes críticas negativas. Os Stray Cats decidiram retornar aos Estados Unidos e divulgar seu trabalho por lá.

Os Stray Cats assinaram contrato com a EMI America, e em 1982 lançaram seu álbum de estréia norte-americano, Built for Speed, uma compilação dos seus dois LPs britânicos.
Ajudados por uma divulgação maciça na recém-lançada MTV, "Rock This Town" e "Stray Cat Strut" chegaram ao Top Ten norte-americano, mais de um ano depois de aparecerem nos escaparates britânicos. Como resultado, Built for Speed foi um grande sucesso, e os Stray Cats passaram a ser vistos como mestres do estilo retro. O seu segundo álbum norte-americano, Rant n' Rave With the Stray Cats, foi lançado em 1983 e produziu outro êxito no Top Ten com "(She's) Sexy + 17", assim como um sucesso menor com a balada estilo doo-wop "I Won't Stand in Your Way".

Conflitos pessoais começaram a surgir causados pela maneira como os músicos lidaram com o sucesso; Phantom casou-se com a atriz Britt Ekland, enquanto Setzer fazia participações especiais com astros como Bob Dylan e Stevie Nicks, além de se tornar guitarrista do projeto The Honeydrippers de Robert Plant. No fim de 1984, Setzer acabou com a banda depois de várias alterações.
Em 1986 os Stray Cats reuniram-se novamente em Los Angeles, gravando um álbum de covers chamado Rock Therapy, que não vendeu muito bem.

O trio voltou aos seus respectivos projetos pós-Stray Cats, lançando álbuns de pouco sucesso. Em 1989, eles reuniram-se mais uma vez para lançar Blast Off, que foi acompanhado por uma digressão com Stevie Ray Vaughan. Abandonando a EMI, a banda entrou em estúdio com Nile Rodgers para gravar Let’s Go Faster, lançado pela Liberation em 1990. Em 1992 lançam o álbum Choo Choo Hot Fish e no ano seguinte mais um álbum de covers, Original Cool, quando o grupo separou-se novamente.
Apesar da pouca repercussão de seus álbuns nos anos 90, o grupo reúne-se periodicamente para apresentações ao vivo. Em 2004 reuniram-se novamente gravando o disco e dvd Rumble in Brixton, último lançamento oficial até o momento. .


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário