segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

SAM COOKE



Sam Cooke (22 de janeiro de 1931 – 11 de dezembro de 1964) foi um artista, cantor e empresário estado-unidense muito reconhecido e estimado. Hoje em dia, muitos o consideram o fundador da soul music

Sam Cooke começou sua carreira como cantor de música gospel e foi um dos responsáveis por pegar elementos desse gênero musical totalmente ligado à religiosidade, misturá-lo com rock e rhythm and blues e trazê-lo para a música popular. Ele foi criticado pelos artistas gospel mas acabou mostrando que tinha razão.


Entre outros sucessos, Sam Cooke escreveu e gravou Twistin' The Night Away, Have a Party, You Send Me e Bring It On Home To Me. A Change is Gonna Come, que foi lançada pouco após a sua morte, em 1964, virou hino do movimento pelos direitos civis nos Estados Unidos. Entre os artistas que se inspiraram nele figuram Rod Stewart e os Rolling Stones, além dos brasileiros Tim Maia, Cassiano e Sandra de Sá.

Chamado de The king of soul, o legado de Sam Cooke é vasto. Ele ganhou 29 dos 40 mais mais nos Estados Unidos entre 1957 e 1965. As peças "You Send Me", "Chain Gang", "Wonderful World" e "Bring It on Home to Me" são algumas das suas músicas mais amadas pelo público.




Cooke também foi um dos primeiros artistas negros da modernidade a tomar controle principal de suas finanças. Cooke participou no movimento pelos direitos civis dos Estados Unidos e, sobretudo, cantou unificando audiências das mais variadas origens com a sua voz atraente e singular.
Morreu baleado por Bertha Franklin na porta de um motel na cidade de Los Angeles. Franklin era gerente do estabelecimento e alegou legítima defesa. As circunstâncias da morte nunca foram completamente esclarecidas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário